"Ser uma comunidade amiga, que vive e anuncia o evangelho e faz discípulos"

Projeto Quéchua

Objetivo da Proposta

O Projeto Quéchua nasce com o propósito de glorificar a Deus através da ajuda para plantação de Igrejas entre os quéchuas e para fortalecer doutrinariamente a liderança autóctone entre os lideres das igrejas evangélicas.

Missões do Projeto

1 – Auxílio ao Pastoreio da Igreja Local: Nossa proposta é fazer um cronograma de apoio pessoal a uma igreja local para capacitar e auxiliar o pastoreio na doutrina e no apoio à evangelização. Essa ação proporciona lidar com a verdadeira realidade da igreja e dialogar como a sua liderança viabilizando capacitação enquanto se trabalha. Evitando a centralização da metodologia na nossa ação, cada corpo de liderança local treinado, assume o compromisso de participar na revitalização e treinamento de outra igreja, formando um processo duplicável.

2 – Treinamento Teológico de Lideres: Cerca de 80% dos pastores e líderes entre os quéchuas não tiveram treinamento teológico. Isto nos levou a elaborar a proposta de implantar uma Escola de Treinamento Teológico-Pastoral firmada nos trilhos da fé reformada, que funcionaria com a filosofia de módulos e que irá suplementar as lacunas existentes, face ao despreparo da liderança entre os quéchuas.

3 - Parceria com Igrejas Locais: Primeiro, na fase de implantação do projeto, os missionários serão oriundos de parcerias com igrejas presbiterianas brasileiras, enviados a trabalhar entre os quéchuas por um período que pode ser curto (professores de módulos, por exemplo) ou longo (missionário residente); Segundo, à medida que líderes forem treinados, estabelecer parcerias locais a médio prazo, permitindo que o povo peruano assuma a responsabilidade de cuidar de si mesmo, por possuir igrejas sadias que viabilizem “andarem com suas próprias pernas”.

4 - Plantação de Igrejas:
A nossa atuação nessa necessidade será direcionada para o treinamento de obreiros plantadores de novas igrejas e ao mesmo tempo buscar despertar a igreja local para sua responsabilidade missionária através da evangelização por amizade e pequenos grupos de evangelização.

Estratégias de Ação

1 - Evangelismo por Amizade: O povo quéchua é alegre e hospitaleiro e gosta de fazer amizades com as pessoas de qualquer nacionalidade. Estamos convictos que essa é uma excelente ponte para a evangelização que o missionário evangelista deverá utilizar como estratégia evangelística principal.

2 - Tradução e Adaptação de Material: A literatura evangélica na língua quéchua é escassa, por isso se faz imprescindível um planejamento para traduzir/adaptar material para a língua deles (espanhol e em particular o quéchua).

3 – Roteiro de Estudos e Palestras: Como a liderança leiga está espalhada pelo estado de Ayacucho, é necessário chegar a eles para poderem ser capacitados. Assim, a estratégia será a de criar núcleos regionais dentro do estado, e uma vez elaborada uma programação de viagens, funcionarmos como uma espécie de escola volante, oferecendo estudos e palestras em lugares estratégicos para os líderes da região.

Missionário Josué Yupanqui Jauregui

Dados Pessoais
Naturalidade: Ayacucho - Peru
Endereço: Jirón Morro de Arica MZ “J” Lote 16, Barrio la Libertad -
Ayacucho – Peru
Fono: 005166966703338
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Estado civil: solteiro

Formação
* Instituto Bíblico do Norte
* Curso Médio em Plantação de Igrejas 2000 - 2002
* Seminário Presbiteriano do Norte - Bacharel em Teologia 2003 - 2006
* Ensino Superior - Faculdade de Teologia Hokemah

Histórico Eclesiástico
* Trabalhei na minha igreja em projetos sociais nas comunidades carentes (Sopão nas terças-feiras e discipulado no Projeto Transforma Jovem).
* Auxiliei as seguintes igrejas:

  • Congregação Presbiteriana em Serra Grande, Garanhuns, 2000-2002: ensino, pregação e o ministério de crianças;
  • Igreja Presbiteriana de Gravatá, 2003 - 2004: trabalho com a mocidade, pregação e ensino;
  • Igreja Presbiteriana em Curado II, 2005: ensino e pregação.

Clique aqui e leia o último relatório

Publicidade